Pó preto entra na justiça para barrar coronavírus, tremores e gafanhotos em Vitória: “Cheguei primeiro”

Pó preto entra na justiça para barrar coronavírus, tremores e gafanhotos em Vitória: “Cheguei primeiro”

Em uma rápida coletiva de imprensa na manhã de hoje, com aparência cansada, pó preto declarou: “Tenho cara de palhaço? Vivo trabalhando dia e noite para conseguir visibilidade, e aparece um qualquer para copiar e ofuscar meu trabalho?”.

Ainda na coletiva, já exaltado, pó preto confirmou que o processo já está andamento: “A justiça tarda, mas não falha”.

Leave a Reply

Your email address will not be published.